COMO REALIZAR UM PROJETO DE VIDA PESSOAL?

SEMINÁRIO ARQUIDIOCESANO DA PARAÍBA
IMACULADA CONCEIÇÃO



 Projeto de vida PESSOAL


EM BUSCA DA IMAGEM


Transformar o “caminho”, a terra “pedregosa”
E “espinhosa” em terra boa.



            “Tua palavra é lâmpada para os meus pés” diz o salmista (Sl 118). A palavra de Deus é a luz que ilumina o caminho de todo aquele que se deixa ser guiado pelo seu amor. Deus amou de tal forma o mundo que nos deu sua palavra encarnada para que pudesse nos remir de todo pecado. No evangelho de João (1, 14) encontramos a seguinte frase: “a palavra se fez carne e habitou entre nós”. Esta é a prova de que Deus não nos desampara. Ele está sempre investindo em nós seja demonstrando o seu amor ou nos dando o seu perdão, quer nos ver feliz, por isso nos deu a maior prova de amor, seu Filho Unigênito Jesus Cristo. A palavra se encarnou no ventre de Maria, se fez homem saiu de seu silêncio e nos revelou a vontade do Pai, para garantir a cada de um de nós a salvação.
            Nós, porém fomos criados a Imagem e Semelhança de Deus (Gn 1, 26). Ora, sabemos que Deus é infinitamente bom e todas as coisas criadas por Ele também. Mas, no entanto não devemos nos esquecer “da liberdade que Deus dá às pessoas criadas para que possam amá-lo e amar-se mutuamente”. O pecado está na origem do homem. Com o pecado original de nossos pais (Adão e Eva) nós adquirimos tais erros. Com tais limitações nos distanciamos da Imagem primeira, mas Deus não cessa de nos convidar a irmos ao encontro da Imagem perfeita que é o seu Filho, “pois Deus não nos chamou para a impureza, mas sim para a santidade” (1 Ts 4, 7).
            Esta é a única certeza real a de que devemos ser santos, pois Deus “nos escolheu nele antes da criação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis, diante de seus olhos” (Ef 1, 4). Tenho Consciência de que preciso buscar a Imagem para alcançar a santidade, no entanto, no meu projeto a palavra de Deus tem lugar primordial e fundamental nesta busca, ou seja, nesta caminhada já que às vezes podemos encontrar pedras e espinhos no meio do caminho.
            Mediante esta reflexão introdutória do meu projeto de vida para o segundo semestre deste ano letivo de 2009, quero apresentar algumas pautas que tentarei vivenciar. Pois acredito sobre tudo no Cristo Ressuscitado que certamente com seu amor que não se esgota, virá ao meu encontro com sua infinita misericórdia e abrirá o meu entendimento para uma realidade verdadeira que é Deus.       

METAS A SEREM TRABALHADAS

Formação: Dar continuidade ao aprofundamento do livreto concedido pela formação que tem como tema: Em busca da “Imagem”;

 Evangelho ano B: Estudar de forma aprofundada alguns trechos específicos do Evangelho de Marcos já que este ano B nos apresenta tal evangelho como referencia;

Eucaristia: Continuar sim com a atenção no Santíssimo Sacramento do altar, tentando sobre tudo escutar a palavra do Cristo Ressuscitado;

Diretor Espiritual: Intensificar o acompanhamento espiritual, dando à devida importância a pessoa do sacerdote com sua experiência podendo me ajudar a discernir melhor nesta caminhada que tem como finalidade a busca da Imagem;

Maria como modelo: Olhar a pessoa de Maria, como exemplo de serva, pois ela é aquela que soube se entregar sem reserva ao serviço de Deus;

Correção fraterna: Continuar com o bom relacionamento com os meus irmãos de turma, tendo como propósito vivenciar sobre tudo a correção fraterna, pois esta dimensão é bastante preciosa como meio de crescimento na vida espiritual;
  

“Vossa palavra é um facho que ilumina meus passos, uma luz em meu caminho”.
Sl. (119, 105 pg. 758). Bíblia Ave Maria.



Prioridades para as dimensões formativas

Dimensão pastoral: Dar continuidade aos meus trabalhos pastorais, continuar de modo concreto o acompanhamento do grupo de Cântico (filhos de Santo Antônio, os coroinhas e o grupo de liturgia da comunidade de Santo Antônio.

Dimensão espiritual: acolher a Palavra de Deus como fonte inesgotável do amor de Deus para conosco. Olhar para a Eucaristia como a fonte e o ápice da vida espiritual, pois nela encontramos a graça da presença do Cristo (sua presença real) eficaz para nossa vida Cristã. Tentar vivenciar também uma “espiritualidade Mariana”, procurando no silêncio como Maria a escuta da palavra.

Dimensão Humana afetiva: Aprofundar meus conhecimentos sobre esta dimensão formativa, pesquisando sobre tudo nos documentos da Igreja, livros, revistas e sites que abordam tal assunto, com o objetivo de adquirir conhecimentos com o objetivo de não só conhecer a si mesmo, mas também as pessoas com quem eu me relaciono no geral.

Dimensão Acadêmica: Sabendo que os estudos são de grande importância para a vida presbiteral quero dar continuidade à intensificação do estudo acadêmico, tendo como propósito buscar o máximo de conhecimentos teológicos. Mas tendo sempre o devido propósito de tentar vivenciá-los na vida cotidiana de modo que, tanto na minha vida espiritual como comunitária.

Dimensão Vida Comunitária: Certamente nunca estamos totalmente prontos para tal dimensão. Na vida comunitária estamos sempre aprendendo alguma coisa nova com os nossos irmãos, por isso neste semestre quero estar presente nos momentos mais importantes da comunidade como, por exemplo: nas refeições, nas orações, no esporte, na limpeza; com o intuito de crescer buscando uma maturidade afetiva na vida comunitária.


“Ignorar a palavra de Deus é ignorar o próprio Cristo”.
São Jerônimo

JOÃO PESSOA – PB
JUNHO/2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CONFIRA AS POSTAGENS MAIS VISITADAS (PROCURADAS) DO BLOG. VALE A PENA!

EU SOU O CAMINHO A VERDADE E A VIDA!

BLOGS PARCEIROS!